Ficar rico: 6 erros que te impedem!

6 minutos para ler

Nos últimos anos o assunto mais recorrente na mídia é a crise econômica que encontramos pelo mundo afora, devido às dificuldades do mercado se tornou normal ouvirmos a frase "quero ficar rico, mas não sei como".

O que pouca gente sabe é que é possível sim fazer com que isso aconteça, mas, para isso, precisamos entender quais são os principais vilões da nossa vida financeira. Sendo assim, separamos 6 erros comuns que atrapalham as nossas finanças e nos impedem de termos uma vida mais confortável. Confira:

1. Não ter um plano financeiro te impede de ficar rico

O primeiro e mais comum erro que cometemos é não firmar um plano de curto, médio e longo prazo referente às nossas despesas e objetivos de vida. É necessário que haja um controle sobre tudo o que você ganha e todas as contas do mês, até mesmo os menores gastos, como o café ou água que compra durante o dia.

Busque separar exatamente todas as informações relevantes sobre seus ganhos e despesas. Exemplo:

  • quanto eu ganho?
  • quais são minhas contas fixas e contas variáveis?
  • valor das minhas dívidas e contas atrasadas?
  • qual a porcentagem dos meus ganhos que eu posso investir por mês?

Ao organizar sua vida financeira, conseguirá ter uma percepção melhor do que pode gastar e guardar, além de saber exatamente o que falta para quitar suas dívidas. Afinal, com uma bom planejamento, sabemos em qual área estamos gastando mais e vemos se aquilo é realmente necessário. A ideia é que assim que não tiver mais nenhuma conta atrasada, consiga aumentar sua porcentagem de investimento cada vez mais.

2. Ter medo ou vergonha de negociar descontos

Um dos segredos para enriquecer é saber fazer bons negócios e isso não depende da sua condição financeira. Ter inteligência financeira e saber valorizar seu dinheiro é o principal para ter uma vida próspera.

Saiba que uma boa negociação pode te livrar de vários juros no final do mês, por isso é indispensável deixar a vergonha de lado e mediar um bom acordo, seja para pagar suas dívidas ou na compra de novos bens.

3. Não buscar novas informações sobre educação financeira

A educação financeira é primordial para quem deseja enriquecer, pois é através dela que vai aprender a dar seus primeiros passos em direção a uma renda maior.

Esse processo está além de simplesmente fazer um planejamento, é um conjunto de ações que precisam se tornar um hábito para que o seu patrimônio se torne sólido e crescente, e para que isso ocorra é preciso aprender como cortar gastos, investir, guardar dinheiro de maneira consciente e produtiva. O indivíduo precisa entender a relação entre o seu dinheiro e produtos, visando a informação e orientação.

A busca pela educação financeira faz com que se torne consciente para realizar as escolhas corretas, aproveitando as oportunidades e conhecendo os riscos.

4. Não aprender com os erros

Todos nós podemos passar por problemas financeiros e na nossa roda de amigos é comum encontrar por pessoas na mesma situação. Mas nunca é fácil conseguir entender o que resultou esse problema e resolvê-lo, sendo assim, aprender com esses erros se torna ainda mais difícil, porém, é um dos pontos fundamentais para conseguir ter uma vida financeira saudável.

Um dos erros mais comuns que podemos encontrar pelo Brasil afora, é a pessoa gastar mais do que ganha e com isso vem os problemas no cartão de crédito, financiamentos intermináveis, cheque especial e outras despesas que podem deixar no vermelho por muito tempo. O importante é conseguir sair desse ciclo e nunca mais cometer esses erros!

Busque por profissionais que conseguirão te ajudar no controle de gastos, invista em opções que cabem no seu orçamento e o mais importante, valorize o seu dinheiro, pois enquanto você não der a devida importância ao que ganha, continuará gastando com coisas que não são necessárias e correrá o risco de sempre estar com dívidas que poderiam ser evitadas.

5. Guardar a sobra do seu salário

É muito comum chegar ao fim do mês e guardar apenas o que sobrou. O grande problema dessa tática é que, na maioria das vezes, não sobra nenhum centavo e por mais um mês você deixa suas metas mais distantes.

Se você realmente quer poupar, precisa começar a entender que a quantia estipulada deve ser separada e aplicada logo no começo do mês, evitando o risco de gastá-la com coisas que não serão necessárias.

6. Ter medo de investir

Dinheiro parado em sua conta-corrente não te fará enriquecer, existem opções que poderão fazer com que multiplique seu dinheiro, se for aplicado de forma correta, então estude e busque alternativas viáveis para aplicar sua economia.

Todos os investimentos devem ser pensados de acordo com sua meta, ou seja, para investimento de curto prazo, é preciso encontrar uma opção em que o valor aplicado possa estar disponível imediatamente para o resgate, sem que você perca nada com a retirada. Quando temos uma meta a médio prazo, outras características devem ser analisadas, ver se a aplicação é isenta de imposto de renda e taxas de resgate, é um exemplo.

Se para atingir sua meta você precisa de um alto valor, as opções de longo prazo podem ser a sua melhor escolha, pois é necessário um período mínimo para retirar o valor investido. Caso precise do dinheiro antes, lembre-se que poderá perder rendimentos que poderiam fazer a diferença no seu planejamento.

Veja neste link alguns exemplos de investimentos que podem te ajudar a poupar dinheiro e ainda garantir uma ótima recompensa, fazendo com que fique cada vez mais perto do seu objetivo.

Você pode encontrar vários tipos de investimentos que poderão se adequar perfeitamente a sua realidade e te ajudarão a enriquecer, fazendo com que passe da etapa, "quero ser rico", para "eu enriqueci". Mas fique atento, não existem opções milagrosas para que seu dinheiro renda, tudo deve ser avaliado e estudado, tenha paciência e persistência para que nenhum desses erros volte a acontecer em sua vida.

Quer ter mais informações sobre como organizar sua vida financeira? Confira os 8 passos que separamos e esteja sempre atento as novidades do nosso blog!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-