Não pense que juntar dinheiro é um desafio só para você, pois a maioria dos brasileiros enfrenta dificuldades neste quesito. Infelizmente, nossas escolas não ensinam finanças para os seus alunos e isso reflete negativamente no processo de organização financeira de todos nós. Além disso, o orçamento apertado traz ainda mais dificuldades nessa questão.

Neste post, mostraremos o que você pode fazer para juntar a quantidade ideal mensalmente, além do total ideal para que você atinja os seus objetivos no tempo certo. Acompanhe!

Qual a quantia ideal?

Você sabia que existe um valor específico que você deve guardar para atingir o seu objetivo financeiro? O grande problema é que a maioria das pessoas espera encontrar essa informação explicitamente destacada em um livro ou post de blog, quando, na verdade, quem determina essa montante é a própria pessoa.

O valor fixo que você deve juntar estará sempre ligado a 3 fatores básicos:

1 – O objetivo que você traçou

2- O tempo que você deseja realizá-lo

3- O quanto suas contas fixas representam do seu salário

Portanto, de acordo com suas ideias, o valor total pode ser bem diferente do valor do seu amigo.

Não adianta, por exemplo, você determinar que guardará 40% do seu salário todos os meses se as suas despesas ocupam 90% dos seus rendimentos. A conta simplesmente não fechará.

Portanto, a quantia exata a ser gasta deve estar em consonância com todos esses fatores. Quando você determina o percentual mensal que será guardado, sua mente, com o passar dos meses, se acostumará com esse hábito e não permitirá que você saia da linha.

Como fazer o cálculo da quantia mensal a ser guardada?

O passo mais complicado de juntar dinheiro para conquistar os seus objetivos é definir o valor, propriamente dito, bem como o seu prazo de realização, além da adequação à sua realidade atual.

Com todos esses elementos bem definidos e claros em sua mente, a conta é bem simples. Para exemplificar, vamos mencionar o exemplo da compra de um aparelho de televisão, considerando que uma pessoa possui uma renda de R$ 2.500,00 e o equipamento tem um valor total de R$ 1.500,00.

Ainda devemos destacar que o indivíduo do nosso exemplo tem uma despesa mensal de R$ 1.650,00, incluindo todos os gastos fixos necessários para sua sobrevivência. Portanto, o que deve ser considerado para realizar uma poupança com o objetivo de adquirir o aparelho televisor?

Simples: primeiro, sabemos que a sua sobra mensal é de R$ 850,00. Suponhamos que você gaste mais R$200,00 com lazer e queira ter R$100,00 na carteira para qualquer eventualidade do dia-a-dia.

Com esse cenário podemos utilizar o montante de R$ 20,00 por mês para ser aplicado no objetivo de adquirir o equipamento e o restante pode ser guardado para uma emergência.

Nesse contexto, em 5 meses ele terá conseguido a quantia suficiente para comprar o televisor à vista, podendo, inclusive, negociar um bom desconto com o vendedor da loja. Alguns especialistas afirmam que o ideal é você guardar um percentual fixo por mês, algo em torno de 30%. No entanto, fazer a simulação com números reais pode ser mais interessante.

Obviamente, isso não passa de uma situação hipotética, no entanto, essa ordem de análises podem ser utilizadas na vida de qualquer pessoa. Primeiro você determina um objetivo, verifica suas sobras mensais e define um valor a ser guardado.

Feito isso, basta calcular para ver em quanto tempo terá o bem em suas mãos. Assim, além de ter dinheiro suficiente para adquirir um produto que deseja, você também evita assumir prestações que podem levá-lo à inadimplência.

Como juntar mais dinheiro?

Agora que você entendeu como é simples determinar um objetivo e juntar dinheiro para alcançá-lo, vamos passar para uma etapa mais complexa do processo: como conseguir aumentar a sua renda para acelerar o curso das coisas.

Ter uma fonte de renda alternativa pode ser uma opção para conseguir bater as suas metas mensais de reunião de recursos. Portanto, a pergunta que fica no ar é "como obter mais dinheiro para aplicar em meu objetivo?".

Algumas pessoas podem enxergar essa questão como uma alternativa muito distante, e alguns podem considerar até mesmo impossível ganhar um dinheiro extra. No entanto, existem algumas atividades que você pode realizar facilmente para melhorar sua renda.

Confira neste artigo dicas incríveis para ter uma renda extra.