Descubra como manter o foco e quitar suas dívidas!

6 minutos para ler

A inadimplência é um fenômeno relativamente comum dentro da família brasileira. Pesquisas indicam que mais de 63 milhões de brasileiros estão com pelo menos uma conta atrasada.

Quando esses pequenos débitos se somam à falta de planejamento financeiro, geralmente acabamos diante de uma situação de endividamento. Mas, então, como manter o foco para pagar as dividas?

Com organização, foco e algumas atitudes práticas, você consegue chegar lá! E é exatamente isso que vamos mostrar neste post. Então, continue a leitura e conheça as nossas dicas!

Faça um diagnóstico financeiro

O primeiro passo para começar a pagar as dívidas é fazer um diagnóstico financeiro da família. Assim como um médico, você vai investigar qual é a causa dos seus sintomas — que, no âmbito financeiro, incluem desequilíbrios de caixa e endividamento.

A melhor forma de fazer isso é promovendo um levantamento de todas as receitas e despesas da família.

Para isso, é importante anotar todos os gastos que são realizados, nos mínimos detalhes, durante pelo menos um mês.

Não basta fazer uma planilha com categorias genéricas de gastos, como “fatura do cartão de crédito”. É preciso discriminar quais serviços ou produtos foram adquiridos, individualmente.

Depois disso, adicione os gastos mensais, eventuais ou sazonais, ou seja, os imprevistos e também as despesas que ocorrem semestralmente ou anualmente. É o caso do IPVA do carro, matrícula e material escolar das crianças, entre outras coisas.

Agora que já temos em mãos o mapa que mostra para onde seu dinheiro está indo, é hora de contabilizar as receitas da família. Basta somar todas as rendas recebidas ao longo do ano, como salários, aluguéis, décimo terceiro, bonificações, participação nos lucros, restituição do imposto de renda etc.

Planeje-se

Com todas essas informações em mãos, você já tem a matéria-prima para construir os alicerces do seu planejamento financeiro. Geralmente, conseguir quitar todas as dívidas não é um processo que acontece da noite para o dia. Sendo assim, o planejamento é uma palavra-chave dentro dessa jornada.

Muitas pessoas acabam colocando na cabeça que conseguirão pagar todas as suas dívidas em apenas um ou dois meses. Mas, na maior parte das vezes, isso não é possível. É aí que todo o esforço acaba virando uma enorme frustração e fica realmente muito difícil manter o foco e pagar as dívidas.

Para que isso não aconteça, é muito importante criar um planejamento realista e coerente com as receitas e despesas do lar.

Crie objetivos e metas

“Para quem não sabe aonde vai, qualquer caminho serve”, nos diz o gato risonho do livro Alice no País das Maravilhas. Esse é o maior erro praticado por quem quer se livrar de uma vez por todas das dívidas — seguir por um caminho qualquer e acabar andando em círculos.

Para que isso não ocorra e para que você não se sinta desestimulado ao longo do caminho, é preciso saber exatamente para onde vai. Em outras palavras, você deve ter um objetivo bem definido: pagar as dívidas!

Por mais que tente apagar incêndios e preocupar-se com problemas mais imediatos, nunca tire o olho do seu objetivo final. Afinal, entre o ponto em que você está agora e seu objetivo final, há um longo caminho a ser percorrido.

Crie uma relação saudável com o consumo

Podemos afirmar sem medo de errar que a maior parte dos brasileiros não tem uma relação saudável com o consumo.

Compramos mais do que precisamos e acabamos endividados ou sem recursos para poupar ou investir, ferramentas importantes para a transformação de vida.

Por isso, a melhor estratégia aqui é utilizar critérios racionais e previamente estabelecidos para a compra de produtos ou serviços. Faça uma reunião com a família e procure entender as necessidades de todos. Quando você toma decisões sobre consumo em cima da hora, o risco de agir de forma impulsiva é grande.

Vale lembrar que o descontrole com relação ao consumo acaba desestimulando você a seguir em frente em sua jornada e ainda gera uma boa dose de culpa no final do mês. Isso dificulta bastante a manutenção do foco no pagamento das dívidas.

Ajuste o seu padrão de vida

Quitar todas as dívidas com bancos, prestadores de serviços e outros credores geralmente envolve uma mudança de hábitos um pouco mais profunda do que estamos acostumados. É preciso que você se torne sustentável do ponto de vista financeiro.

Para tanto, é necessário ajustar o padrão de vida da família para que ele possa caber com alguma folga dentro do orçamento.

Isso não significa dizer, no entanto, que você deve diminuir a qualidade ou o estilo de vida da família, e sim que é preciso fazer alguns cortes temporários.

É como se você desse alguns passos para trás para conseguir pegar impulso e saltar para frente.

É claro que você quer aumentar os rendimentos da família, seja por meio de uma promoção no trabalho, pela poupança ou pelos investimentos. Entretanto, é fundamental estar equilibrado financeiramente para conseguir chegar lá. O primeiro passo, é claro, é focar a atenção em honrar seus compromissos.

Negocie com os credores

Chegamos a uma das etapas mais importantes de todo o processo de limpar o nome e pagar as dívidas: o contato com os credores. Muitas pessoas desistem de quitar suas dívidas porque olham diretamente para os números e para a taxa alta de juros e não conseguem achar um caminho viável.

Negociar com o credor pode derrubar esses valores, com descontos de até 90% no montante total.

Lembre-se: a realização de um acordo depende de que as duas partes cedam, cada uma um pouco. Para o credor, é melhor receber um valor menor do que não receber nada, não é mesmo?

Por isso, a saída mais eficiente e barata para escapar das dívidas é procurar uma plataforma online de negociação de dívidas. Assim, você conta com um terceiro imparcial que possa mediar o diálogo entre devedor e credor.

Viu só? Agora, você já sabe como manter o foco para pagar as dívidas. O melhor de tudo é que, quando você começar a ver os resultados de todo o seu empenho, não será mais tão difícil manter o foco e colocar todas as suas finanças em dia.

E aí, está esperando o que para revolucionar sua vida financeira? Entre em contato conosco e comece a quitar suas dívidas hoje mesmo!

Posts relacionados

Um comentário em “Descubra como manter o foco e quitar suas dívidas!

Deixe uma resposta