E vamos ver mais um mito ou verdade sobre score: será que o colocar CPF na nota aumenta a sua pontuação? Descubra aqui!

CPF na nota aumenta score

Em todas as compras que fazemos no mercado, em restaurantes ou em lojas, a pessoa que está atendendo sempre nos pergunta: você quer colocar CPF na nota?  

Essa ação trás vários benefícios financeiros para nós, mas afinal, será que ele também ajuda a melhorar o score?  

E lá vem mais um mistério sobre ele, que é o assunto mais temido e mais polêmico desse blog: o aumento de score! 

A cada dia mais mentiras e golpes são criados na internet, e é por isso que falamos com tanta frequência sobre os inúmeros mitos e verdades sobre coisas que melhoram o score de crédito. E hoje não será diferente: vem ver se colocar o CPF na nota aumenta score ou não!  

Sem tempo para ler? Clique no play abaixo para ouvir. ?

Colocar CPF na Nota Fiscal aumenta meu Score?

Não, colocar CPF na nota não aumenta a sua pontuação score.

E o motivo é o seguinte: os birôs de crédito, como o SPC e a Boa Vista já divulgaram que não usam essa informação para calcular a nota score de crédito dos brasileiros.

Para formar a nota, os Órgãos de Proteção ao Crédito levam em consideração históricos e hábitos financeiros, tanto positivos quanto negativos, e cada um dos birôs atribui um peso diferente para cada uma dessas informações. 

Por exemplo: a Boa Vista usa sistemas com inteligência artificial para calcular a sua nota score, e uma das regras é que 60% da nota seja impactada pelas informações que estão registradas no Cadastro Positivo Boa Vista. 

Logo, se você tem o Cadastro Positivo ativo e segue hábitos financeiros saudáveis, como pagar as contas em dia, então a sua nota score vai aumentar, pois é esse tipo de informação que o Cadastro positivo capta, e consequentemente que o Score de crédito também capta.  

De toda forma, se você tem o costume de colocar o CPF na nota fiscal em todas as compras presenciais e online, pode continuar colocando, afinal, esse hábito trás outros benefícios para sua vida financeira, apesar de não aumentar seu score de crédito.  

Entenda como funciona o cálculo do Score

Tenho certeza de que bateu a curiosidade sobre como é feito cálculo do score, já que você aprendeu que ele não pega os dados do CPF na nota fiscal, né?  

Então vamos ver isso agora! 

Antes de tudo, é importante frisar que cada um dos Órgãos de Proteção ao Crédito tem o seu próprio cálculo do score, logo, eles podem levar em consideração critérios diferentes ou então dar um peso diferente para cada hábito financeiro, ok? 

Por exemplo: pode ser que um birô de crédito leve mais em consideração as contas que estão atrasadas, e outro birô considere mais as informações positivas do seu cadastro para calcular o score. 

Dito isso, veja só como funciona o cálculo do score: 

  • Os Órgãos de Proteção ao Crédito têm acesso a dados e históricos financeiros que são captados, de forma consensual, de bancos, lojas, empresas, etc. 
  • Para analisar todas essas informações, é necessário um super sistema com inteligência artificial, que verifica diariamente e sem parar TODOS os dados, comportamentos e históricos registrados em um CPF, podendo conferir dados de até 15 anos atrás 
  • E então, para chegar em uma nota score, estes sistemas tem configurados os critérios e o peso de cada ação no cálculo. Por exemplo, se atrasar a fatura do cartão, vai perder X pontos, ou se pagar o boleto com antecedência vai ganhar Y pontos.  
  • Por fim, depois de atribuir os pontos para seus comportamentos financeiros, eles chegam em uma nota final, que pode ser consultada por você aqui pelo site da Acordo Certo ?  

Vem ver qual o peso de cada comportamento financeiro na sua nota score:  

Comportamento financeiro  Impacto na nota score  
Dados registrados no Cadastro Positivo  Mais de 60%   
Seus hábitos fazendo consultas de serviços de créditos: pedir para os bancos analisarem seu perfil e aprovarem crédito  Mais de 18%  
Histórico de dívidas Mais de 12%   
Tempo usando um crédito  Mais de 9%  
Quitação de dívidas e pendências   Mais de 5%  

Como aumentar o score

Então você deve estar se perguntando: “mas afinal, como aumentar meu score?” Vem ver 5 dicas para melhorar a sua pontuação: 

1 – Tenha um Cadastro Positivo

Já falamos neste conteúdo sobre o Cadastro Positivo e a importância de ativá-lo para aumentar o seu score, mas não custa nada reforçar.  

Este cadastro é como o inverso do score, pois ao invés de captar só coisas ruins da sua vida financeira, ele só registra as coisas boas. 

Por exemplo, se você atrasa uma conta, essa informação só vai para o score, mas se você paga com antecedência, ela vai para o Cadastro Positivo. 

Muito bom, né? E o melhor: a ativação do Castro Positivo é gratuita. Para ativar, clique aqui.  

2 – Pague ou negocie suas dívidas negativas

Ter uma pendência já é ruim, mas ela fica ainda pior quando vira uma dívida negativa, não é?  

Para se livrar desse problema e conquistar o nome limpo basta consultar seu CPF aqui na Acordo Certo, ver quais são as suas dívidas e fazer uma negociação com desconto.  

Quando você começa a quitar uma dívida, as empresas credoras (aquelas para quem você está devendo e que mandaram o seu nome para a negativação) precisam tirar o seu nome dos Órgãos de Proteção ao Crédito.  

Além de melhorar a sua vida financeira e conseguir novas ofertas de crédito, pagar dívidas também faz com que a sua pontuação score aumente! 

3 – Use o cartão de crédito com sabedoria

Para evitar ficar com score baixo, é muito importante usar o cartão de crédito com cuidado e sabedoria. 

Este crédito pode sim te ajudar no dia a dia, mas se você não quitar a fatura ou então pagar de formas alterativas usando o parcelamento do cartão ou usar o rotativo, então ele pode te trazer muitos problemas. 

Se você pagar as faturas em dia e deixar o limite sempre abaixo da sua renda mensal, então o cartão de crédito irá ajudar a aumentar seu score de crédito.  

Aliás, sempre que você paga suas faturas mensalmente, estas ações positivas ficam registradas no Cadastro Positivo, logo, contará como ações legais no seu perfil financeiro e que vão garantir mais pontos positivos na sua nota score final.  

4 – Atualizar dados nos órgãos de proteção ao crédito

Apesar dos Órgão de Proteção ao Crédito não captarem as informações do CPF na nota fiscal para formar sua nota score, ele ainda colhe vários outros dados, até aqueles mais simples e cadastrais, como endereço, telefone, etc. 

Por isso, quanto mais atualizado estiverem seus dados, melhor será sua pontuação score.  

Isso acontece porque os birôs de crédito acreditam que quanto mais os dados estão atualizados, mais eles passam mais confiança e garantia da sua identidade.  

5 – Não caia em golpes de aumentar score

Gos sobre a nota score tem se multiplicado na internet, e a promessa é sempre a mesma: o aumento da pontuação de forma fácil e rápida, mas nunca gratuita, pois pessoas mal-intencionadas consumam cobrar valores para subir a sua nota. 

Veja o que é verdade e o que é mentira sobre o aumento de score: E não se esqueça: fuja as mentiras o mais rápido possível:  

  1. CPF na nota aumenta score? Nããão!
  2. NÃO existe empresa que aumenta score: se uma empresa e oferecer este serviço, fuja que é golpe 
  3. NÃO existe aplicativo para aumentar score, existe apps apenas para conferir a pontuação 
  4. NÃO é possível aumentar o score em 30 dias, e muito menos em 24 horas 
  5. Ativar o Cadastro Positivo ajuda SIM a aumentar o score 
  6. Fazer transferências PIX NÃO aumenta score 

Consulte seu Score de CPF na Acordo Certo

Veja como é simples consultar score na Acordo Certo: 

  1. Clique aqui e digite seu CPF em nosso site. Depois clique em “consultar CPF grátis” 
  2. Complete os dados cadastrais solicitados, como data de nascimento  
  3. Crie uma senha com 6 números 
  4. E agora é só ver a sua nota score na página!  

Além de poder ver a sua nota score, você conseguirá também ver quantos pontos você ganhou ou pendeu nos últimos meses, além de poder negociar dívidas no seu nome.  

E para finalizar: siga colocando o CPF na nota, mas para aumentar score, você precisará de mais

Colocar CPF na nota é um hábito muito bom para suas finanças, mas ele não vai ajudar a melhorar a sua pontuação score.

Para isso, será necessário fazer outras coisas, como ativar o Cadastro Positivo, quitar dívidas e atualizar dados. Resumidamente, é manter bons comportamentos financeiros ?

Veja abaixo mais conteúdos sobre aumento de score e garanta a nota dos seus sonhos para conseguir empréstimos, financiamentos, cartões de créditos e muito mais.

Conte conosco nesta jornada rumo o bem-estar financeiro.

FAQ: Perguntas frequentes 

Quais as vantagens de colocar CPF na nota? 

São vários benefícios, e o maior conhecido é poder resgatar créditos que são acumulados ao cadastrar o CPF na nota. Para isso, basta acessar o site de notas fiscais do seu Estado e consultar o saldo dos seus créditos.  

Além disso, você ainda consegue abater até 10% do valor do seu IPVA do ano seguinte e concorre a prêmios que são sorteados mensalmente somente para os brasileiros que colocam CPF na nota (os prêmios vão de R$5 mil a R$1 milhão de reais).  

Mas lembre-se: não acredite se alguém te disser que CPF na nota aumenta score, ok? Esse NÃO é um benefício de colocar o CPF na nota.

Qual o melhor score para cartão de crédito? 

Para conseguir um cartão de crédito em qualquer instituição financeira, é importante conquistar score positivo, ou seja, uma nota média para boa: isso significa ter pelo menos 550 como pontuação (que é um nível médio) ou chegar a nota maior do que 700 (que é um nível alto e ótimo). 

De toda forma, existes opções para quem não tem um score muito bom, como por exemplo: cartão para negativado, cartão de crédito para desempregado, cartão para score baixo, etc.  

Qual o valor de um bom score? 

De acordo com o Score Boa Vista, é preciso alcançar a nota 625 para se ter um score bom. Se chegar a nota de 700, então o seu score é muito bom, e a nota de 800 até 1000 é o score excelente.