Por que Pagar uma Dívida que já Caducou?

Por que pagar uma dívida que caducou? Entenda os motivos e veja como uma dívida que já caducou pode afetar a sua vida financeira.

Por que Pagar uma Dívida que já Caducou?

Você provavelmente conhece alguém que está devendo a alguma empresa mas, em vez de tentar pagar, prefere esperar que a dívida “caduque”. Embora o nome de quem está devendo suma dos birôs de crédito, esperar a dívida caducar não é a melhor solução.

Pode parecer bobagem, mas além de ficar com nome positivo e finalmente realizar seus sonhos, você pode conseguir descontos incríveis ao negociar algum débito antigo. Nesse contexto, vamos explicar o que é e por quais motivos é interessante pagar uma dívida caduca.

O que é uma dívida caduca?

Dívida caduca é aquela que existe há mais de 5 anos e, por isso, não aparece mais nas empresas que mostram o comportamento financeiro do consumidor. Você pode, por exemplo, consultar uma dívida antiga e não encontrá-la mais disponível para pagamento, mas isso não significa que ela não exista — apenas não está mais visível. Para o credor, ou seja, a empresa para a qual você deve, a pendência ainda existe.

Muitas pessoas enxergam uma grande vantagem na dívida caduca, já que ela também para de impactar o seu score. Mas se a sua dívida é com um banco, por exemplo, isso impacta na hora de pedir empréstimos ou de conseguir um cartão de crédito. 

Qual a diferença entre uma dívida caduca e uma prescrita?

Como falamos acima, a dívida caduca é aquela que, após 5 anos, não aparece mais nos serviços de proteção ao crédito. Já a dívida prescrita é aquela que não pode mais ser cobrada após o registro de inadimplência.

Isso acontece quando o credor envia um aviso de cobrança, o devedor paga e a empresa não toma mais nenhuma atitude. Então, quando a dívida prescreve, o credor não pode mais cobrá-la judicialmente. Afinal, a Justiça entende que ele não tem mais interesse em receber o que lhe é devido. 

Infelizmente, se a Justiça agir a favor da empresa credora, o devedor pode passar por diversos problemas, como bloqueio da conta corrente e até mesmo penhor de bens.

De acordo com o art. 205 do Código Civil, uma dívida prescreve em 10 anos. No entanto, a maioria prescreve em 5 anos e, em algumas exceções (art.206), o tempo pode ser até menor. Veja alguns exemplos:

  • 1 ano: despesas de hospedagem, segurado contra seguradora, credores não pagos contra os sócios ou acionistas e os liquidantes;
  • 2 anos: pensão alimentícia;
  • 3 anos: aluguéis, ressarcimento de enriquecimento sem causa, reparação civil, restituição dos lucros ou dividendos recebidos de má-fé, contra fundadores, administradores ou liquidantes por violação da lei ou do estatuto, título de crédito.

Quando a dívida caduca, a empresa pode cobrar?

Depois que a dívida caducou, seu nome não deve aparecer nos órgãos de proteção ao crédito. Se seu nome continuar aparecendo negativado mesmo após 5 anos, você pode acionar judicialmente por danos morais.

No entanto, a empresa pode continuar a cobrar, já que a dívida ainda existe. Porém, essa cobrança deve ser feita de maneira moderada, ou seja, sem assédio. Se a empresa passa o dia inteiro ligando para seu telefone fixo, celular e, além disso, manda mensagens, você também pode recorrer judicialmente. 

Aproveitando, lembramos que a Acordo Certo não realiza contatos por telefone. Somos uma empresa 100% digital e nosso atendimento é feito por e-mail, redes sociais e pela nossa central de ajuda.

Se as cobranças param, então por que pagar uma dívida que caducou?

Pode parecer vantajoso esperar uma dívida caducar ou prescrever, mas não é bem assim que funciona. Veja porque fazer um acordo e positivar seu nome seu nome são as melhores escolhas:

Você não consegue crédito

Como visto, se você fica devendo para algum banco, a dívida continuará pendente mesmo se ela caducar. Desta forma, isso pode atrapalhar até na obtenção de crédito e em empréstimos para momentos de emergência.

Então, o sonho de uma casa própria, de ter um carro e até de abrir de um negócio podem ser prejudicados por uma dívida que você deixou caducar.

Raramente uma dívida prescreve

Empresas (e até mesmo bancos) podem vender sua dívida a empresas que trabalham com a aquisição e cobrança de carteiras de créditos vencidos. Então, sua dívida agora pertence a uma securitizadora, que é uma empresa especialista em cobranças. Por conta disso, provavelmente o débito não vai prescrever.

O problema é que, quando a empresa aciona judicialmente, você pode perder bens e até mesmo o acesso à própria conta. Imagine o problemão de não conseguir mexer no seu dinheiro (nada bom, não é?).

Se a empresa acionar a Justiça, o prazo é suspenso

Como você viu, a dívida pode prescrever quando a empresa não envia comunicados ou não entra na Justiça. Mas pense o seguinte: a dívida leva 5 anos para prescrever. Se a empresa acionar judicialmente depois de 4 anos e 11 meses, o prazo será suspenso e você terá que responder pelo débito. Complicado, não é verdade?

Os juros continuam correndo — e você será cobrado

Pense na dívida como uma bola de neve. Quanto mais tempo você demora a pagar, mais juros e taxas vão se somando ao montante. Daí, um débito relativamente pequeno se transforma em uma dívida monstruosa. E, é claro, a empresa continuará te cobrando (mas deve ser de maneira moderada, vale ressaltar).

Seu nome não vai sumir totalmente

É um direito do consumidor que seu nome e seu score não sejam mais afetados por uma dívida que já caducou. No entanto, a dívida vai continuar armazenada — dessa vez, em um banco de dados do Banco Central. Assim, ela pode ser consultada por empresas que tenham algum interesse em saber mais sobre o seu histórico de finanças.

É por isso que, mesmo que você esteja devendo no banco A e queira um empréstimo no B, o pedido pode não ser aprovado.

Quero pagar minha dívida, mas não tenho tanto dinheiro

Como você viu, pagar uma dívida que caducou é a melhor decisão para quem deseja realizar aqueles sonhos que exigem um bom investimento financeiro. Além disso, você se livra de qualquer risco com dívidas prescritas. Como conclusão, fazer um acordo é sempre a melhor opção para ambas as partes.

Parceira de bancos e empresas por todo o país, a Acordo Certo oferece os melhores descontos para você positivar seu nome. Consulte seu CPF e confira as melhores condições para renegociar sua dívida!

5 respostas para “Por que Pagar uma Dívida que já Caducou?”

  1. Fabiano Santos Pereira disse:

    Muito bom

  2. Elvis assis passos disse:

    Queria ver se tenho algumas dívidas uma empresa me ligou cobrando umas despesas referentes aos cheque q já dizendo q é referente a despesas do banco central esses cheque s já tem mais de 5 anos q já paguei mais não dei baixa no banco

  3. Maria Aparecida de Oliveira Barbosa Vitório disse:

    Bom dia ja estou começando a negociar minhas dúvidas, agora depois de ler este post que entendi o porque da cobrança de uma divida com mas de dez anos .Estou fazendo acordo através de vocês. Muito obrigada pela ajuda a mim dispensada.

    • Williane disse:

      Oi, Maria! Que ótimo, ficamos muito felizes em te ajudar nesse importante passo para uma vida financeira mais saudável! Conte sempre com a gente 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seu bem-estar financeiro

Receba os artigos
do blog no
seu e-mail.