Quitar dívidas: 5 dicas fantásticas para você!

6 minutos para ler

Quitar dívidas atrasadas pode parecer um grande desafio para muitas pessoas, pois tais compromissos, às vezes, parecem não ter mais fim. A boa notícia é que eles têm fim sim, e pode estar mais perto do que você imagina.

Após a leitura das dicas que apresentamos neste post, você estará preparado para iniciar a organização definitiva da sua situação financeira, viver com mais tranquilidade e desfrutar de tudo o que a vida tem de bom para você e sua família. Acompanhe!

1. Tenha noção de quanto você precisa para quitar dívidas

Um dos principais motivos que elevam a preocupação das pessoas em relação às dívidas atrasadas é o desconhecimento do valor pendente. Por vezes, as únicas informações em que a pessoa se concentra dizem apenas que a dívida é alta, está atrasada, recebendo juros diariamente e precisa ser paga algum dia.

Se, por um lado, essa compreensão da situação é incompleta e traz insegurança ao devedor, por outro, ela denota a urgência da necessidade de revisão das responsabilidades financeiras em atraso. Se esse é o seu caso, vença o desafio de somar suas dívidas atrasadas para saber, ainda que em linhas gerais, qual o montante que você deve.

Num primeiro momento, não se importe em calcular exatamente os juros e as taxas, porque isso pode ser feito mais adiante. Ocupe-se em pontuar os principais valores e credores envolvidos. Tão logo você tenha essa visão das coisas, ficará mais fácil dar o primeiro passo para as negociações.

2. Busque um parceiro especializado para renegociar dívidas

Assim que você tiver uma ideia aproximada de quanto será preciso para quitar as dívidas atrasadas, já conseguirá imaginar os meios para regularizar a situação. Mesmo que você tenha poucos recursos disponíveis no momento, é possível se adiantar e buscar uma renegociação de contas que cabe no seu bolso.

Por exemplo, com o auxílio de uma empresa especializada especializada em assuntos financeiros, limpar o nome fica muito mais fácil, pois o cálculo exato das dívidas é feito rapidamente e meios descomplicados de regularização de todas as pendências são levantados na hora, sem burocracias.

Desse modo, não importa o valor atrasado e nem por quanto tempo ele já se estende; o que realmente tem importância é a iniciativa da pessoa interessada em resolver, de forma definitiva, a própria situação financeira.

3. Considere pegar um empréstimo com taxa estratégica

Muitas vezes, para quitar pendências vale à pena pegar um empréstimo com taxas menores que as incidentes sobre a dívida atrasada. É claro que, para chegar a essa conclusão, é preciso calcular muito bem o saldo devedor. Por isso, aproveite o contato com a empresa parceira de renegociação e procure se inteirar dos valores atualizados de todos os seus compromissos.

Para ter certeza de que o empréstimo é uma opção estratégica para você, será necessário avaliar os juros praticados sobre as dívidas atrasadas e certificar de que eles são maiores de que os do empréstimo — de outro modo, essa manobra financeira não valerá a pena. Além disso, cuide para não fazer outras dívidas durante o período de regularização das pendências.

Nesse momento de reorganização, procure ter meios de anotação e conferência de ganhos e gastos mensais, afinal, quando se está pondo a casa em ordem, nenhuma atitude deve ser precipitada, já que corre-se o risco de comprometer todos os benefícios.

4. Comece quitando as dívidas mais altas

É comum as pessoas começarem eliminando as dívidas menores primeiro (porque são "mais fáceis") e se esquecerem daquelas que mais crescem em juros todo mês: as dívidas mais altas. Por isso, a quitação dessas deve ser priorizada em detrimento daquelas de menor valor.

Naturalmente, todos os compromissos atrasados devem estar no radar, e, para cada um, deve ser pensada uma alternativa para quitação. No entanto, os compromissos mais altos se mostram como principais empecilhos para a regularização dos demais.

Adotar esse comportamento estratégico na quitação das dívidas acelera a resolução da situação. Quanto menos erros forem cometidos nessa fase de ajustes, mais ágil será a saída dela, a limpeza do nome e a abertura de novas oportunidades de crédito na praça.

5. Reorganize suas finanças para voltar a crescer

Sair de momentos difíceis nas finanças demanda uma boa dose de disciplina. Atitudes precipitadas ou mesmo negligenciadas podem trazer prejuízos de tempo e de recursos, e assim dificultar o processo de retomada da sua força financeira. Portanto, sua organização pessoal nesse sentido deve ser rigorosa e, se preciso, deve contar com a colaboração de todos no lar.

Além disso, como falamos acima, a reordenação das contas domésticas requer alguma ferramenta para anotação e revisão do planejamento — nada muito complexo, mas eficiente para que seja visto cada detalhe dos valores que entram e saem mensalmente no orçamento.

Essa ferramenta pode ser um caderno de anotações, uma planilha ou um aplicativo de gestão de contas. Não importa o meio, mas sim o resultado que vai sendo construído pelo zelo no tratamento dos seus assuntos financeiros mais delicados.

Nesse caminho de solução, você vai ver sua motivação aumentar, boas emoções tomarem conta do seu dia, seu senso de humor florescer, as preocupações financeiras irem embora, a ponto de você já começar a sonhar com novas realizações para um futuro não muito distante.

Nenhuma das suas dívidas vai durar para sempre, e o fato de você estar se empenhando para quitá-las mostra que você é uma pessoa de atitudes nobres. Mesmo que já faça algum tempo que você está devendo, é possível resolver a situação de maneira descomplicada.

Com o nome limpo, você vai retomar seus objetivos de consumo e voltar a ter fôlego financeiro para realizar aquilo que você já está esperando há algum tempo, como comprar ou trocar um veículo, uma casa ou apartamento, entre outros.

Para facilitar a sua vida, temos uma plataforma online em que você consegue, por meio do seu CPF, levantar todas as suas dívidas atrasadas e credores, receber uma proposta de renegociação e já começar imediatamente a eliminar esse peso das costas. E melhor: tudo isso de forma rápida, segura, pela Internet, sem sair de casa.

Para quitar dívidas atrasadas, localize-as em nosso sistema, conte com até 90% de descontos nos encargos gerados ao longo do tempo e viva melhor, sem insônia e com a certeza de que, pela renegociação, a situação de seu nome na praça estará resolvida logo, logo! Venha renegociar com a gente.

Você também pode gostar

2 thoughts on “Quitar dívidas: 5 dicas fantásticas para você!

Deixe uma resposta

-